Bolsa Família: veja as regras para participar e como se inscrever

Se você ainda não faz parte do programa veja como se inscrever no Bolsa Família e regras para receber a ajuda mensal as famílias de baixa renda.

O Programa Bolsa Família é do do Governo Federal, é um programa social que tem apoio da Caixa Federal e que repassa mensalmente aos participantes um valor em dinheiro que pode ser sacado a qualquer momento para ajudar na manutenção básica da família.

Muitas famílias no Brasil já se beneficiam do bolsa Família, e se você quer receber essa ajuda em dinheiro, o primeiro passo e se inscrever no Cadastro Único para Programas Sociais do governo.

Veja como se inscrever e regras para receber o Bolsa Família, a ajuda mensal em dinheiro para as famílias de baixa renda.

Será baseado nas informações de seu cadastro, que o Ministério do Desenvolvimento Social (MDS) vai avaliar se você e sua a família se encaixam no perfil exigido para fazer parte do programa.

O valor que será enviado todo mês vai depender do número de pessoas da família, da idade e da renda que for declarada.

Entenda como funciona a conta da renda declarada, a seleção depende da renda por pessoa da família.

Para fazer parte do Bolsa Família se não tiver filhos pequenos ou adolescentes menores e 17 anos

É preciso ter renda de até R$ 85,00 mensais por pessoa da família.
Uma condição considerada por muitos como difícil e enquadrar, mas e for o seu caso a conta seria assim.

Mas se um pai de família ganha um salário mínimo por mês, R$ 937,00 e tiver como dependentes mais 5 pessoas, divide-se o valor do salário pelas pessoas da família, incluindo o que recebe o salário, (937,00 dividido por 6 daria 156,00), o que não se enquadra no perfil para participar.

Porém se a família do pretendente ao programa tiver crianças ou adolescentes (com 17 anos no máximo), o valor para se enquadrar sobe para R$ 170 mensais.

Então, se o pai, ou outro da família, recebe um salário mínimo por mês como renda familiar e a família tem 4 pessoas mais uma criança ou adolescente, a família já pode receber o Bolsa Família, veja a conta – 937,00 dividido por 5 = 156,00, valor que enquadra no perfil para aprovar o bolsa Família.
(outras pessoas da família não podem estar trabalhando cm carteira assinada, senão o valor da renda será incluída na soma da renda familiar).

Bolsa Família um programa pra todos que necessitam de ajuda do governo (Reprodução/Caixa)
Bolsa Família um programa pra todos que necessitam de ajuda do governo (Reprodução/Caixa)

A análise para se aceito no Bolsa Família é feita por computador, o sistema vai analisar os dados dos inscritos e aprovar ou não seu benefício.

Mas para ingressar no programa, somente se inscrever no Cadastro Único não garante que a entrada no programa será imediata, mas não garante que a família será selecionada. A seleção é automática e feita todo mês, quem for selecionado receberá uma comunicação oficial do órgão responsável.

Por isso é importante fazer o cadastro de forma correta, com telefones de contato e endereço correto e atualizado, se mudar de telefone ou endereço é preciso atualizar o cadastro.

O cadastro deve ser feito no Centro de Referência de Assistência Social (Cras) do município, procure algum setor da prefeitura de sua cidade para ter maiores informações.

Essa pessoa que vai ser o responsável Familiar deve ter pelo menos 16 anos e, de preferência ser mulher, para fazer o cadastro deve levar CPF ou título de Eleitor.
Também deve apresentar qualquer documento de todos os integrantes da família que farão parte do cadastro.

Se você for selecionado para entrar no programa, devera ficar atento as condições impostas para se manter no programa social.

Se depois de receber a comunicação aceitando sua entrada você receberá instruções de como manter o Bolsa Família ativo.

Você pode gostar também