Mineração de Bitcoin: Gigante japonesa GMO anuncia entrada no mercado

A entrada da GMO no mercado de mineração de Bitcoin reforça a tendência da moeda de se firmar no mercado de investimento e no uso corrente.

A gigante da Internet, a japonesa GMO, anunciou esta semana seu último empreendimento, a mineração de Bitcoin. A gigante japonesa anunciou também que as operações de seu centro de mineração de bitcoins, será focado no norte da Europa.

A GMO é uma das líderes no fornecimento de soluções de Internet com uma vasta gama de empresas e produtos no setor, entra agora na mineração de Bitcoin.

A empresa estará utilizando em sua central tecnologia de mineração de bitcoins de última geração, os chips de 7 nanômetros, última palavra em chip e alta performance, desenvolvidos em com a colaboração de parceiro em design de semicondutores.

O investimento da empresa gigante japonesa tem sua explicação, em comunicação aos seus investidores, a GMO disse:
“Acreditamos que as criptomoedas se desenvolverão em “novas moedas universais” disponíveis para uso em qualquer país ou região para trocar “valor” livremente, criando uma nova zona econômica sem fronteiras”.

A entrada da GMO no mercado de mineração de Bitcoin reforça a tendência da moeda de se firmar no mercado de investimento e no uso corrente.

A empresa relata ainda que decidiu lançar se na operação de mineração de Bitcoin a fim de aproveitar o “know-how acumulado no negócio de infraestrutura e negócios financeiros da Internet, com o objetivo de contribuir para o desenvolvimento das criptomoedas “.

A grande maioria dos investidores e usuários do Bitcoin e da comunidade de criptomoedas no Japão, ainda não se conscientizaram da crescente adoção em massa do Bitcoin no Japão.

Com a entrada, na mineração de bitcoin, de uma das maiores e mais influente empresa do país o quadro pode e alterar.

Já é notado no país, o crescimento na adoção do bitcoin como moeda corrente de pagamento, em indústrias de varejo, comercio de eletrônicos e setor hoteleiro.

No setor tecnológico, a Bitmain outra importante no setor, garantiu que ira fazer investimentos na casa dos US$ 50 milhões, se consolidando mais ainda como o principal fabricante de equipamentos e operadores de mineração de Bitcoin no mercado global.

Você pode gostar também