Recibos de Lula: contador visitou Glaucos diz hospital, mas informações divergem de delação

11 de outubro de 2017 da Folhapress, Após ser notificado a fornecer os relatórios de visitas feitas ao empresário Glaucos da Costamarques, enquanto esteve internado em dezembro de 2015, o Hospital Sírio-Libanês, confirmou as visitas de  João Muniz Leite contador de Lula, porém, afirmou que o advogado Roberto Teixeira não tem seu nome nos registros.

Glaucos Costamarques esta sob suspeita de atuação como ‘laranja’, na compra do apartamento

O imóvel situado em São Bernardo do Campo (SP), é objeto de investigação da força-tarefa da Lava Jato.

O apartamento, vizinho ao que mora o ex-presidente Lula da Silva, segundo suspeitas, teria sido adquirido com propinas obtidas por meio de contratos com a Petrobras, pela Odebrecht.

Glaucos afirmou em delação, que passou a receber aluguéis do referido imóvel, somente depois de 2015, logo após a visita do contador, levando o MPF a suspeitar que Lula não pagava alugueis, suspeito de ser o ‘dono’ do apartamento.

Defesa de Lula apresenta 26 recibos assinados por Costamarques

Como defesa, os advogados de Lula enviaram à Justiça 26 recibos de aluguel com o objetivo de comprovar os pagamentos.

Costamarques afirma que os 26 recibos foram assinados ao mesmo tempo no dia da visita em dezembro de 2015,enquanto internado no hospital Sírio-Libanês.

Porém divergindo das informações fornecidas pelo Sírio-Libanês, após ser visitado também por Roberto Teixeira, amigo e advogado do ex-presidente Lula, na companhia do contador João Leite, afim de, no hospital, recolher suas assinaturas.

Você pode gostar também